Mário Figueiredo confiante de que a CDU conseguirá mais um deputado

Pela terceira vez consecutiva candidato pela CDU à Câmara de Barcelos, Mário Figueiredo adianta, em entrevista à Radio Cávado, que o objetivo para as eleições autárquicas é reforçar a votação de 2013.

“Queremos crescer e temos confiança de que podemos crescer. Na Assembleia Municipal temos um deputado e queremos reforçar a nossa posição, temos determinação de que isso pode acontecer. Pode não acontecer, mas temos confiança de que podemos ir mais além no caso de mandatos na Assembleia Municipal. Objetivo é conseguirmos reforçar a votação quer para a Câmara, quer para a Assembleia, quer manter os eleitos que temos nas Assembleias de Freguesia de Martim e Cambeses e, possivelmente, discutir eleitos noutras freguesias em que podemos crescer: Barcelos, Arcozelo, Barcelinhos, Moure, são freguesias em que temos algum potencial”, aponta o deputado comunista.

A CDU já apresentou os candidatos a Arcozelo e à União de Freguesias de Barcelos, Vila Frescainha S. Martinho e S. Pedro e Vila Boa. Joana Salgado concorre a Arcozelo e Rui Araújo a Barcelos. Nas últimas autárquicas, a CDU apresentou listas em 16 freguesias. Mário Figueiredo adianta que este ano serão mais. O deputado comunista admite, no entanto, que a eleição de um vereador, que seria inédita, é muito difícil: “Temos a noção da realidade do nosso concelho e da dificuldade que a CDU tem num concelho que nunca nos foi favorável em termos eleitorais. Temos que vencer obstáculos que outros não terão que vencer. Isso poderá dificultar a eleição de um vereador que nunca tivemos em Barcelos”.

Luís Leandro volta a ser um número um da lista à Assembleia Municipal onde acabou por ser substituído por Mário Figueiredo. O candidato à Câmara adianta que tal “poderá acontecer” novamente, ressalvando: “Não se pense que isto são estratégias e tende a iludir eleitorado, não é nada disso. Fazemos a avaliação dos resultados e estes têm implicações na ocupação de cargos políticos e depois fazemos as opções que vão ao encontro do interesse da coligação e dos interesses dos barcelenses”.

 

Rádio Cávado Barcelos